Parlamento do Irã e mausoléu do Aiatolá Khomeini são alvos de ataques

Foto: FarsNews Agency

Agressores não identificados atacaram o Parlamento do Irã e o mausoléu do aiatolá Ruhollah Khomeini na capital do país, Teerã, nesta quarta-feira, causando a morte de um guarda de segurança e deixando ao menos 12 feridos, segundo a agência de notícias estatal Irna. Não há detalhes de quem teria lançado os ataques ou se eles foram coordenados. Os atentados levaram o Ministério do Interior iraniano a convocar uma reunião de emergência, informou a Irna. De acordo com a TV estatal, o ataque ao Parlamento envolve quatro homens armados com rifles, ainda está em andamento e já deixou oito feridos. No ataque ao mausoléu, um guarda foi morto e quatro pessoas ficaram feridas, informou a mídia iraniana. Neste segundo incidente, um dos agressores teria sido morto e uma mulher foi detida. Os agressores foram descritos como "terroristas" e um deles teria detonado explosivos que carregava junto ao corpo. Fonte: Associated Press.



por Estadão Conteúdo

Ao se identificar seu comentário terá mais relevância.
EmoticonEmoticon